Escreva a sua pesquisa

Mostrar mensagens com a etiqueta Prisão de ventre. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Prisão de ventre. Mostrar todas as mensagens

10 de maio de 2017

Melhor chá para eliminar gases

quarta-feira, maio 10, 2017
Os gases intestinais são bastante desconfortáveis, e provocam dores e sensação de barriga inchada. Existem várias formas que ajudam a eliminar os gases e no artigo de hoje irá descobrir o que são realmente os gases intestinais, quais as suas causas e os chás que ajudam a eliminá-los.

O que são gases intestinais?
Sabia que o ser humano consegue eliminar cerca de 1,5 litros de gases por dia, repartidos entre 10 a 20 flatos por dia? A maioria destes gases são libertados de forma despercebida, e são compostos por nitrogénio, oxigénio, dióxido de carbono, hidrogénio e metano. Nenhum destes é responsável pelo mau cheiro, esse tem origem noutra substância, o enxofre, por isso nem todos os gases tem mau cheiro.
Os gases intestinais são formados pelos milhões de bactérias presentes no trato digestivo e que participam na digestão, e são produzidos após a metabolização de carboidratos, gorduras e proteínas ingeridas.

Quais as causas dos gases intestinais?
É normal existirem gases no nosso organismo, nomeadamente no intestino, só quando são em demasia é que provocam bastante desconforto. O excesso de gases intestinais é principalmente provocado por uma má alimentação, ou que seja rica em alimentos que provocam gases, veja alguns exemplos:
  • Feijão, milho, lentilhas, ervilhas
  • Leite, cerveja preta, refrigerantes
  • Couve-flor, repolho, brócolos
  • Cebola, alho, couve-de-bruxelas, pepino, nabo
  • Ovos, batatas, alimentos processados (bolos, bolachas, etc)
  • O enxofre, causador do mau cheiro, provém da ingestão de proteínas, sendo a carne de porco a que deve ser mais evitada.

Existem outras causas que não estão relacionadas com a alimentação, como a falta de exercício físico, intolerância à lactose, uso de antibióticos e constipação intestinal, bem como sexo anal passivo.


Chás que eliminam gases intestinais
Os chás de ervas são uma boa solução para combater o excesso de gases intestinais, diminuindo assim a dor e o inchaço. 

Chá de Erva-Doce
A Erva-doce ajuda a combater as cólicas bem como a dor de estômago.
Coloque 1 colher de erva-doce numa chávena e cubra com a água a ferver. Deixe arrefecer, coe e beba a seguir, fazendo isso de 2 a 3 vezes por dia após as refeições.

Chá de Gengibre
O gengibre é conhecido por ajudar a tratar vómitos e náuseas, mas também ajuda imenso a eliminar os gases.
Coloque 1 litro de água e cerca de 2 cm de gengibre fresco ou 1 colher de chá de gengibre em pó numa panela e deixar ferver por cerca de 8 a 10 minutos. Desligar o fogo, tapar a panela e esperar que fique morno. Coar e beber sem adicionar açúcar.

Chá de Carqueja
Para combater o excesso de gases intestinais, deverá beber um chávena de Carqueja logo após as refeições. Para preparar o chá, adicione uma colher de sopa de carqueja a uma chávena com água ferver e deixe repousar por 15 minutos, depois coe e beba o chá sem açúcar, cerca de três vezes ao dia.

Chá de Cidreira
A Cidreira ajuda imenso a diminuir a produção de gases e a combater a prisão de ventre. Para fazer o chá coloque 1 colher de sopa de cidreira e 1 colher de sopa de funcho numa chávena com água a ferver. Tape e deixe a mistura ficar morna, depois coe e beba. Não adicione açúcar nem mel, pois ambos beneficiam a produção de gases.

29 de novembro de 2012

O que são as Fibras?

quinta-feira, novembro 29, 2012
As fibras ou substâncias não assimiláveis, não são nutrientes, mas, graças a elas, as outras substâncias energéticas ou vitamínicas são encaminhadas para o aparelho digestivo e digeridas pelo organismo. As fibras devem, portanto, fazer parte de uma alimentação equilibrada. As recomendações inclinam-se para o consumo diário mínimo de 25 gramas.
As fibras podem ser solúveis ou insolúveis  As primeiras estão na frita e nos legumes, têm uma grande capacidade de absorver água e saciam o apetite. Ao mesmo tempo, mantém o intestino saudável, porque fermentam quando chegam ao cólon devido à acção das bactérias da flora intestinal. As insolúveis existem em abundância nos cereais integrais e têm a missão de regular o trânsito intestinal. Ambos os tipos de fibras estimulam os movimentos do intestino. Beber muita água e comer fibras são, portanto, duas armas eficazes contra a prisão de ventre.

Em paralelo, estas contribuem para a manutenção do peso, pois favorecem a mastigação, enchem o estômago e atrasam o seu esvaziamento. Ingeri-las com frequência reduz ainda a incidência do cancro do cólon, das doenças cardiovasculares e da diabetes, de acordo com alguns estudos.

9 de julho de 2011

Prisão de ventre

sábado, julho 09, 2011

O que é a Prisão de Ventre?
A prisão de ventre ou obstipação é uma disfunção intestinal que se caracteriza pela dificuldade em evacuar as fezes, e reflecte-se em sintomas de desconforto abdominal, dor, acumulação de gases, falta de apetite, boca amarga, alteração dos hábitos intestinais, dores de cabeça e distensão abdominal.
A prisão de ventre é diagnosticada com maior frequência em mulheres e muitas vezes acontece no periodo pré-menstrual.

Quais são as suas causas?
  • Dificuldades digestivas
  • Alimentação inadequada
  • Doenças nervosas
  • Ansiedade
  • Sedentarismo
  • Processos inflamatórios
  • Alguma medicação
  • Desidratação
  • Ignorar a vontade de evacuar
Como se trata?
Primeiro de tudo deves começar a incluir na sua alimentação alimentos ricos em fibras (cereais integrais, frutas e hortaliças cruas e cozidas), consumir menos carnes vermelhas, reduzir nos hidratos de carbono e farináceos (arroz branco, farinha de trigo, branca, açúcar refinado), mastigar bem os alimentos, praticar mais exercício físico e regular a hora das refeições.

Existem tratamentos caseiros?
Sim existem. Passo a citar alguns.
  • Beterraba - Beber sumo natural de beterraba, 1 copo 2 vezes ao dia.
  • Cenoura - Beber sumo natural de cenoura, 1 copo 2 vezes ao dia
  • Quiabo - Cozer em vapor e tempere com azeite e sal e inclua na sua dieta.
  • Ameixa - Pôr de molho 5 ameixas secas num copo com água durante 6 horas. Comer as ameixas e beber a água.
  • Abacaxi - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Mamão - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Manga - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Iogurte - 1 copo de iogurte natural, 6 ameixas e 3 colheres de mel - passar tudo no liquidificador e comer em exclusivo ao pequeno-almoço.
É recomendável a consulta de um médico.
Já alguma vez sofreram de prisão de ventre? Como a trataram?

4 de julho de 2011

Dicas para combater a Barriga Inchada

segunda-feira, julho 04, 2011
A barriga inchada pode ter muitas origens mas a mais comum está relacionada com a má alimentação (excesso de gordura) ou má digestão (acumulação de gases, retenção de liquidos). Este disturbio afecta principalmente mulheres.

Agora que o calor aperta e as roupas diminuem siga as nossas dicas que ajudam a desinchar a barriga.

Mastigue os alimentos devagar
Mastigar correctamente os alimentos é o primeiro passo para evitar a barriga inchada, se mastigar os alimentos devagar a digestão será mais rápida, por outro lado, a sensação de saciedade demora a chegar ao cérebro se você comer devagar , o cérebro vai receber a mensagem e você vai comer menos.

Prepare bem o seu prato
O que come é fundamental, quando se servir de comida  lembre-se deste truque, metade do prato deve ser só salada crua, sem molhos. A outra metade é dividida  numa porção de hidratos de carbono (prefira os integrais) e outra  porção de proteínas.

Beba muito
Ao longo do dia beba bastante água e chá, mas evite beber depois das 19h. Beber durante as refeições também ajuda a reter líquidos por isso deve evitar.

Coma ao longo do dia
Faça 6 refeições ao longo do dia, coma várias vezes ao dia mas em poucas quantidades. As refeições devem ser divididas em pequeno almoço, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia.

Cuidados na alimentação
Evite ingerir refrigerantes, feijão, pão, queijo, carne vermelha, salsicha porque estes alimentos incham a barriga e causam gases.
Prefira os alimentos ricos em fibra e integrais: arroz, cereais e pão integrais, legumes, verduras, carnes magras e frutas.
Evite as bebidas que contém cafeína, gás e álcool.

Pratique exercício físico
Pratique actividades fisicas, uma simples caminhada de 30 minutos num bom ritmo todos os dias ou subir escadas já contribui para o seu bem-estar.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda um consumo diário de 25 gramas de fibras. Para isso, dever-se-á consumir 400 gramas de fruta e legumes por dia e cereais integrais. Ainda, um estudo de 2007, publicado na revista Nutrition Research, esclarece que a ingestão regular de ameixa em sumo tem um efeito laxante suave no alívio dos sintomas gastrointestinais.

Popular

Follow by Email