Escreva a sua pesquisa

Mostrar mensagens com a etiqueta Estética. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Estética. Mostrar todas as mensagens

6 de junho de 2015

Prós e Contras da Depilação a Laser

sábado, junho 06, 2015
Depilação a laser, o que é?
A Depilação a laser é uma técnica de remoção progressiva dos pêlos feita através da energia luminosa do laser. Os primeiros aparelhos para a remoção de pêlos a laser surgiram na década de 1970, mas esta tecnologia foi, a princípio, ineficaz, muito dolorosa e limitada. Porém, em 1983, Anderson e Parrisch introduziram o conceito de fototermólise seletiva (utilizado na depilação a laser), revolucionando o princípio físico do mecanismo do laser, levando a uma maior eficácia. Hoje existem diferentes tipos de laser capazes de promover a depilação progressiva. 

Esta técnica também é habitualmente chamada de depilação definitiva, no entanto, este nome é incorreto, pois a depilação a laser não garante que os pêlos não voltem a crescer.

A depilação a laser pode ser feita por qualquer pessoa que se incomode com os seus pêlos ou com os outros métodos de depilação, com a cera e a lâmina. Há indicações especiais para casos de pseudofoliculite (pelos encravados) tanto em virilha, que acaba por escurecer a região, quanto rosto, pernas ou qualquer outra zona do corpo.

Como é feita a depilação a laser?
O procedimento é realizado com o uso de um aparelho emissor de laser, imposto exatamente sobre os pêlos a serem eliminados. Na depilação a laser, o alvo é a melanina, substância responsável pela coloração do bulbo e da haste do pêlo, que acaba por causar danos térmicos mínimos ao tecido adjacente.
Ao ser disparado o pulso de laser, ocorre a absorção dos fótons de energia pela melanina. O calor absorvido é liberado pelo bulbo e pela haste do pêlo, causando uma destruição térmica das estruturas do pêlo.

Os tipos de laser mais utilizados para fazer a depilação a laser são o laser Alexandrite, o laser de diodo (800nm) e o laser Nd:YAG (1064nm). Este tipo de depilação costuma ser dolorosa. Em alguns casos podem ser utilizadas pomadas anestésicas e jatos de ar frio para aliviar a dor.
A depilação a laser é sempre feita por sessões.

Prós e Contras da Depilação a laser
  • Não é uma depilação definitiva;
  • Pode criar consequências na pele (manchas e queimaduras);
  • Pessoas bronzeadas, morenas e de pele escura têm mais probabilidade de contrair manchas e doenças visto que possuem mais melanina;
  • Hoje em dia, os preços são mais acessíveis;
  • A tecnologia da máquina (depilação a laser) é mais avançada;
  • Os homens também optam por este método;
  • A depilação a laser é dolorosa em algumas zonas, e de pessoa para pessoa;
  • Podem surgir crostas depois do tratamento;
  • Os pêlos não saem no momento mas sim nos dias a seguir;
  • Devem ser apenas profissionais a tratar dos pacientes;
  • Não causa cancro;
  • Obrigatório usar óculos devido à luz do laser;
  • Não é necessário ter os pêlos longos mas sim dentro do poro;
  • Todas as áreas do corpo podem ser tratadas;
  • É possível apenas enfraquecer os pêlos;
  • É um tratamento que dura uns largos anos sem voltar a repetir as sessões;
  • Nenhuma mulher fica com pêlos encravados e mesmo quem tem, deixam de existir;
  • Os pêlos que poderão vir a crescer são mais finos;
  • É considerada o tipo de depilação mais eficaz;
  • Existe menos irritação nas zonas em que se fez a depilação a laser;
  • É um tratamento seguro;
  • Totalmente confiável e eficaz;
  • Dá para todos os tipos de pele (oleosa, seca …);
  • Não precisa de muitos cuidados extras depois de terminadas todas as sessões;
  • Rejuvenescimento da área;
Termino com uma frase interessante que encontrei sobre o método da depilação a laser

O corpo humano não é uma ciência exata, mas, se a cliente não apresentar alterações hormonais, ela é definitiva.

21 de maio de 2015

Como combater a Gordura Localizada?

quinta-feira, maio 21, 2015
"Na maioria das vezes, este acúmulo de gordura vem da ingestão de carboidratos simples, presentes em pães, massas, doces, refrigerantes, e bebidas alcoólicas", afirma a nutricionista Tamara Mazaracki. 
O que é a gordura localizada? Como é que ela se forma?
A gordura pode tornar-se localizada em alguns lugares específicos do corpo. Os mais comuns são: região abdominal e flancos e região ginóide (coxas e quadris).
A gordura da região abdominal forma-se quando a pessoa não faz dieta repartida, ou seja, não come de três em três horas. Isso acontece porque o organismo armazena gordura para os momentos que este necessita, (de fome ou escassez), e assim ocorre a formação de gordura na região dos flancos e região abdominal.
A acumulação de gordura na região ginóide é mais comum em mulheres do que em homens. 

Contudo, esta acumulação é causada pelo desequilíbrio entre estrogénio, progesterona, testosterona. As hormonas femininas (estrogenio, progesterona) são os principais causadores da gordura localizada nas coxas e quadris. Estas hormonas interferem no metabolismo das gorduras, na circulação linfática, e ainda facilitam a retenção de água e sal. 

No entanto, estas coordenam a deposição de gordura no abdómen, quadril e coxas para dar ao corpo o aspeto feminino.

Alguns pontos para que saiba como evitar a gordura localizada:
  • Comer de três em três horas
  • Consumir alimentos de baixa carga glicêmica (batata-doce, maça)
  • Comer frutas, verduras, legumes
  • Evitar comidas gordurosas e industrializadas
  • Fazer exercício físico com regularidade
7 Alimentos que ajudam na perda de gordura localizada:
  • Peixes e Frutos do Mar (salmão, atum, peixe cavala)
  • Óleo de Coco
  • Alimentos Probióticos (iogurtes naturais)
  • Abacate
  • Frutos vermelhos (amoras, morangos)
  • Chá Verde
  • Azeite
  • Linhaça
  • Chia
A alimentação diária tem de ser rica em fibras para que a gordura localizada vá sendo eliminada.

Também se pode praticar exercício para acabar com a gordura localizada na barriga e coxas:
  • Abdominais
  • Corrida
  • Ciclismo
  • Musculação
  • Pilates
  • Ginástica Localizada
  • Ginástica Funcional
  • Exercícios aeróbicos
Embora todos esses exercícios tenham de ser intervalados para que o corpo tenha descanso, por não estar habituado a essa rotina.

Existem, claro, tratamentos estéticos embora não resultem da mesma maneira que a alimentação saudável e os exercícios porque os tratamentos não vão eliminar as células de gordura mas sim, fazê-las diminuir de tamanho sem se multiplicarem por uns tempos.

Com a alimentação e os exercícios regulares, a gordura localizada acaba por ser eliminada totalmente, num determinado espaço de tempo, embora vá depender de pessoa para pessoa.

Posto isto, mantenha uma alimentação saudável e equilibrada e inclua na sua alimentação alimentos ricos em Ómega 3. Esses hábitos, aliados a exercícios físicos frequentes, trarão resultados surpreendentes na perda de gordura corporal, em especial, a gordura localizada.

10 de julho de 2011

Alimentos que ajudam a bronzear

domingo, julho 10, 2011
Como o verão chegou o que mais queremos é ter um bronzeado de meter inveja, por isso deixo aqui algumas dicas de como obte-lo de forma natural.

Nós somos aquilo que comemos, e se consumirmos alimentos rico em vitamina E, poderemos ter uma pele mais bonita e ter um bronzeado mais intenso e duradouro durante o verão.
Os alimentos que contém betacaroteno são óptimos para um belo bronzeado, porque o betacaroteno é um pigmento alaranjado antioxidante estimulador da melanina, responsável por deixar a pele bronzeada. Mas atenção "A ingestão em excesso pode resultar num acumulo desse pigmento alaranjado na palma das mãos, conhecido por hiperbetacarotenemia" revela Erika Checon Romano.

Quais os alimentos que nos ajudam no processo de bronzeamento?
  • Cenoura
  • Couve
  • Mamão
  • Manga
  • Milho
  • Abóbora
  • Agrião
  • Batata-doce
  • Beterraba
  • Brócolos
  • Gema de ovo
  • Limão
  • Kiwi
  • Espinafre
  • Repolho
Dica: Beber um sumo natural de cenoura e laranja todos os dias irá ajudar a manter o bronzeado e tornar a pele mais bonita.

Varizes (insuficiência venosa)

domingo, julho 10, 2011
As Varizes podem atingir qualquer pessoa, mas têm mais incidência nas mulheres do que nos homens.
Este problema é mais que uma questão estética, é também uma questão de saúde. Se não forem tratadas a tempo podem evoluir para situações mais sérias a nível de saúde, por exemplo tromboses. É fundamental apostar na prevenção.

Quais são as causas?
  • Má postura
  • Uso de saltos altos
  • Realização de tarefas domésticas
  • Oscilações do fluxo sanguíneo durante o ciclo menstrual
  • Gravidez
  • Excesso de Peso
  • Hereditariedade
  • Profissão
Existem dois tipos de varizes
  • Telangiectasias ou Derrames - São pequenas veias que surgem debaixo da pele e são caracterizadas põe linhas vermelhas ramificadas.
  • Veias varicosas - São conhecidas por varizes são veias dilatadas e alongadas, com pequena ou grande profundidade, que surgem com uma cor azul cinza e a sua origem vem da falência valvular e da perda de elasticidade e tonicidade.
Quais são os sintomas?
  • Sensação de pernas pesadas, cansada, doridas e inchadas
  • Cãibras
Como prevenir a insuficiência venosa?
  • Praticar exercício físico com regularidade
  • Alimentação rica em fibras e variada
  • Evitar vestuário apertado e saltos altos
  • Evitar calor em excesso
  • Evitar viagens longas
Como tratar este problema?
  • Drenagem Linfática (Massagem)
  • Hidroterapia (Balneoterapia)
  • Acupunctura (Técnica oriental)
  • Cirurgia convencional (laqueação e o stripping)
  • Métodos não cirúrgicos (Laser)
O Inverno é a melhor época para realizar os tratamentos. Pode-se encontrar este tipo de em clínicas de estética, Medical Spas e nos Hóspitais convencionais.
Antes de se recorrer a um tratamento, deve-se avaliar a situação para assim recorrer-se ao tratamento mais adequado.

8 de julho de 2011

Má postura causa celulite

sexta-feira, julho 08, 2011
É verdade! Além de dor nas costas, a má postura causa a temida e famosa gordura localizada e também a horrível celulite.

Quando uma pessoa tem algum tipo de desvio na coluna, como o desalinhamento, o espaço entre as vértebras é comprimido, o que pode dificultar a circulação do sangue na região, conhecido como hiperlordose.

Como consequência, a circulação sanguínea na região abdominal e no quadril fica comprometida, causando a retenção de líquidos, a localização de gordura na região e o aparecimento de celulite, além do enfraquecimento da musculatura abdominal, projectando assim a barriga para a frente. Normalmente, quem possui hiperlordose tende a ter hipercifose, e como consequência, ocorre uma acumulação de gordura na parte superior das costas, abaixo do pescoço, deixando a pessoa corcunda.

Por isso se queres eliminar os pneusinhos e a celulite deverás ter atenção à tua postura.

7 de julho de 2011

Celulite

quinta-feira, julho 07, 2011
A celulite atinge até 95% das mulheres, sendo uma das queixas mais frequentes em relação à estética. O aspecto de "casca de laranja" causa incomodo e insatisfação com o próprio corpo.
As causas que dão origem à celulite não são totalmente conhecidas. Além de uma predisposição hereditária, alterações enzimáticas e hormonais parecem estar envolvidas, diminuindo a quebra das células gordurosas ou aumentando o seu volume.
As regiões mais atingidas pela celulite são aquelas onde as mulheres costumam acumular mais gordura: abdómen, quadris, culotes, nádegas, coxas e pernas.

Como se forma a celulite?
No nosso organismo, algumas células têm a função de acumular energia, sob a forma de gordura, para ser usada quando necessário. São os adipócitos (celulas gordurosas). Estas células se localizam na hipoderme, a camada mais profunda da pele. Nas mulheres, esta camada apresenta fibras ligando a superfície ao tecido mais profundo, como se fosse um colchão de molas. Estas pontes fibrosas repuxam a pele para baixo, dando o aspecto de "furinhos", que é característico da celulite.

Classificação da Celulite
  • Grau 1: os furinhos só são percebidos quando a pele é comprimida. Pode aparecer até mesmo nas crianças, sendo mais comum nas adolescentes.
  • Grau 2: os furinhos já são percebidos sem comprimir a pele. Passando a mão sobre a pele, já se percebe uma ondulação, sendo possível sentir alguns nódulos.
  • Grau 3: os nódulos são bastante perceptíveis e têm consistência endurecida, demonstrando que já houve formação de fibrose. Pode haver dor local.
Como eliminar a Celulite?
Dieta equilibrada e exercício fisico - Evita o consumo de álcool, café e tabaco, pois estes afectam negativamente o sistema circulatório. Inclui na tua alimentação produtos frescos e naturais, água mineral, cereais integrais, frutas, verduras, peixe e carnes brancas. É aconselhável realizar exercícios regulares para incentivar a eliminação das reservas de gordura acumulada nas zonas mais afectadas. Os melhores exercícios para combater a celulite é a natação e andar de bicicleta.
Anticeluliticos - Escolhe um bom celulitico e deverás aplicá-lo 2 vezes por dia, de manhã e à noite. A pele deverá estar cuidadosamente limpa, por isso o ideal é aplicar o creme logo a seguir ao banho. No entanto não se deve aplicar directamente, a área afectada deve ser "activada" com pequenos beliscões, assim activando a circulação sanguínea para que o produto atinja maior penetração.
Aplicação com massagem - A massagem é fundamental na aplicação do anticelulitico, pois ajuda na drenagem dos tecidos e activa a circulação dos ácidos gordos, provocando assim a sua eliminação.
  • Cintura e zona abdominal - aplicar o creme desde a parte inferior, ascendendo até à zona do busto. Os movimentos devem ser circulares e ascendentes.
  • Pernas - Aplica o creme do tornozelo para a coxa. Os movimentos devem ser circulares e ascendentes.
  • Braços - aplica o produto desde o punho ao cotovelo. Em seguida, a partir do cotovelo até ao ombro, tal como indicado nos casos anteriores. Insiste no interior do braço.
  • Nádegas - Aplica o creme desde a parte inferior, utilizando movimentos circulares e não esquecendo os lados das nádegas.

Pele Seca

quinta-feira, julho 07, 2011
Se tens uma pele muito seca, deves hidratar a pele de todo o corpo diariamente e repetir esse gesto, caso seja necessário, várias vezes ao dia, com hidratantes que estabeleçam uma barreira entre a pele e a humidade.
Além dos cremes, loções e produtos hidratantes que encontras à venda em farmácias, perfumarias e supermercados, podes também experimentar fazer um tratamento com óleos corporais. São uma boa solução quando a pele está a precisar de cuidados extra.
Este tipo de produtos devem ser usados depois do banho e não necessitam de ser enxaguados, secam naturalmente e, apesar de não entrarem nas camadas inferiores da pele, melhoram o aspecto da epiderme e eliminam as escamas provocadas pela secura extrema. Podes também usá-los nas mãos antes de se deitar. Massaja-as com óleo de amêndoas, calça luvas de algodão e deixa repousar durante 15 minutos.
Antes de hidratar o rosto, é obrigatório eliminar todas as impurezas com água fria ou morna. Quanto mais quente for a água, mais seca ficará a pele.
Escolhe um leite ou um gel de limpeza não detersivos, que arrastem a sujidade sem agredir a pele e que não alterem o equilíbrio fisiológico cutâneo. Os que contêm aveia coloidal são um bom exemplo disso.
De seguida, aplica o creme hidratante, massajando o rosto suavemente. Escolhe produtos adequados ao teu tipo de pele e que sejam ricos em ceramidas, ácido glicólico, vitamina E e lactato de amónio. Este último promove uma reorganização da camada córnea, devolvendo à pele a capacidade de reter água.

Os lábios são uma das zonas do rosto particularmente sensíveis às baixas temperaturas. Para evitar que fiquem secos e gretados, nunca saias de casa sem os proteger e leva sempre contigo um bâton ou um creme labial nutritivo e hidratante, que deve também conter índice de protecção.
Não cometas o erro de os molhar constantemente com saliva, pois esse gesto contribui apenas para que fiquem mais desidratados.

As mudanças bruscas de temperatura e a constante fricção das peças de roupa agravam ainda mais a situação, a pele torna-se seca e podem surgir descamações.

Dicas muito importantes
Não tomes banho com água muito quente e opta por um creme lavante em vez dos sabonetes. No final do duche, usa um creme hidratante e nutritivo, com ureia e lactato de amónio, espalha-o massajando-o por todo o corpo, dando especial atenção às áreas mais secas (cotovelos e joelhos).

Popular

Follow by Email