Escreva a sua pesquisa

6 de junho de 2015

Prós e Contras da Depilação a Laser

Depilação a laser, o que é?
A Depilação a laser é uma técnica de remoção progressiva dos pêlos feita através da energia luminosa do laser. Os primeiros aparelhos para a remoção de pêlos a laser surgiram na década de 1970, mas esta tecnologia foi, a princípio, ineficaz, muito dolorosa e limitada. Porém, em 1983, Anderson e Parrisch introduziram o conceito de fototermólise seletiva (utilizado na depilação a laser), revolucionando o princípio físico do mecanismo do laser, levando a uma maior eficácia. Hoje existem diferentes tipos de laser capazes de promover a depilação progressiva. 

Esta técnica também é habitualmente chamada de depilação definitiva, no entanto, este nome é incorreto, pois a depilação a laser não garante que os pêlos não voltem a crescer.

A depilação a laser pode ser feita por qualquer pessoa que se incomode com os seus pêlos ou com os outros métodos de depilação, com a cera e a lâmina. Há indicações especiais para casos de pseudofoliculite (pelos encravados) tanto em virilha, que acaba por escurecer a região, quanto rosto, pernas ou qualquer outra zona do corpo.

Como é feita a depilação a laser?
O procedimento é realizado com o uso de um aparelho emissor de laser, imposto exatamente sobre os pêlos a serem eliminados. Na depilação a laser, o alvo é a melanina, substância responsável pela coloração do bulbo e da haste do pêlo, que acaba por causar danos térmicos mínimos ao tecido adjacente.
Ao ser disparado o pulso de laser, ocorre a absorção dos fótons de energia pela melanina. O calor absorvido é liberado pelo bulbo e pela haste do pêlo, causando uma destruição térmica das estruturas do pêlo.

Os tipos de laser mais utilizados para fazer a depilação a laser são o laser Alexandrite, o laser de diodo (800nm) e o laser Nd:YAG (1064nm). Este tipo de depilação costuma ser dolorosa. Em alguns casos podem ser utilizadas pomadas anestésicas e jatos de ar frio para aliviar a dor.
A depilação a laser é sempre feita por sessões.

Prós e Contras da Depilação a laser
  • Não é uma depilação definitiva;
  • Pode criar consequências na pele (manchas e queimaduras);
  • Pessoas bronzeadas, morenas e de pele escura têm mais probabilidade de contrair manchas e doenças visto que possuem mais melanina;
  • Hoje em dia, os preços são mais acessíveis;
  • A tecnologia da máquina (depilação a laser) é mais avançada;
  • Os homens também optam por este método;
  • A depilação a laser é dolorosa em algumas zonas, e de pessoa para pessoa;
  • Podem surgir crostas depois do tratamento;
  • Os pêlos não saem no momento mas sim nos dias a seguir;
  • Devem ser apenas profissionais a tratar dos pacientes;
  • Não causa cancro;
  • Obrigatório usar óculos devido à luz do laser;
  • Não é necessário ter os pêlos longos mas sim dentro do poro;
  • Todas as áreas do corpo podem ser tratadas;
  • É possível apenas enfraquecer os pêlos;
  • É um tratamento que dura uns largos anos sem voltar a repetir as sessões;
  • Nenhuma mulher fica com pêlos encravados e mesmo quem tem, deixam de existir;
  • Os pêlos que poderão vir a crescer são mais finos;
  • É considerada o tipo de depilação mais eficaz;
  • Existe menos irritação nas zonas em que se fez a depilação a laser;
  • É um tratamento seguro;
  • Totalmente confiável e eficaz;
  • Dá para todos os tipos de pele (oleosa, seca …);
  • Não precisa de muitos cuidados extras depois de terminadas todas as sessões;
  • Rejuvenescimento da área;
Termino com uma frase interessante que encontrei sobre o método da depilação a laser

O corpo humano não é uma ciência exata, mas, se a cliente não apresentar alterações hormonais, ela é definitiva.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário.

Popular

Follow by Email