Escreva a sua pesquisa

22 de janeiro de 2012

A sentença da Balança

O controlo regular do peso permite-lhe saber quando convém vigiar a alimentação ou tomar medidas drásticas. Para isso, tem de comprar os quilos actuais com os de referência, ou seja, aqueles que o fazem sentir-se em boa forma física e satisfeito com a sua silhueta.

Actualmente, o IMC é considerado uma das melhores fórmulas. Trata-se de um índice publicado e recomendado pela Organização Mundial de Saúde.

Como vimos no artigo anterior, calcula-se ao dividir o peso, expresso em quilos, pelo quadrado da altura, em metros. Através do valor obtido, fica a saber se está demasiado magro, se o seu peso está dentro dos parâmetros de referencia ou se está em excesso. Neste caso, pode ainda verificar se tem apenas uns quilinhos a mais ou se é obeso. O intervalo tem em conta a estrutura muscular e óssea. Existem pessoas de ossatura robusta que ultrapassam o peso considerado normal sem que, por isso, sejam consideradas obesas.
Aqueles que ainda se encontram aquém do limite critico no IMC, mas continuam a ganhar peso, devem agir de imediato. É mais fácil modificar os hábitos alimentares a tempo do que perder quilos supérfluos.

Estabelecer o peso de referencia como meta é importante, sobretudo para os jovens. no caso das pessoas idosas, é aceitável um peso com o qual se sintam bem, mesmo que seja um pouco mais elevado. Sempre na condição de que se mantenha estável.
Quilos bem medidos
Utilize sempre a mesma balança e coloque-a numa superfície firma e plana. Um chão irregular ou um tapete podem falsear os resultados.
Verifique se está regulada para o zero. Depois, siga os seguintes conselhos:

  • Pese-se sempre à mesma hora, se possível nu ou em roupa interior;
  • Ponha os pés na plataforma da balança, de forma a que o peso esteja repartido, não faça pressão nos calcanhares nem nos dedos e mantenha-se imóvel até confirmar o peso no visor;
  • Se necessário, verifique o rigor do valor indicado, pesando alguns pacotes de farinha ou de açúcar. No entanto, em caso de erro, o mais provável é que a diferença não seja constante. Portanto, não basta ter em conta a diferença (somando ou subtraindo um quilo, por exemplo) para obter um resultado exacto;
  • Lembre-se que ao acordar terá o peso mais baixo do dia.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário.

Popular

Follow by Email