Escreva a sua pesquisa

24 de dezembro de 2011

Como funciona o Metabolismo Ponderal - Excessos convertem-se em gordura

sábado, dezembro 24, 2011
Excessos convertem-se em gordura
As gorduras do corpo não provêm, necessariamente, da gordura dos alimentos. Qualquer alimento ingerido e não utilizado de imediato sob a forma de energia é transformado e armazenado como gordura. Esta apresenta-se sob a forma de um liquido untuoso, conservado em células que se encontram nos tecidos conjuntivos, nomeadamente sob a pele e em redor dos órgãos interno. O conjunto dessas células forma o tecido adiposo. Este último é comparável a um cacho de minúsculas esferas (células adiposas), que podem inchar para receber mais gordura. A dimensão dessas esferas varia em função da idade e da sua localização. Na maioria das zonas do corpo, as mulheres têm mais tecido adiposo do que os homens. Apenas a título de exemplo, saiba que um homem com peso médio deve ter gordura suficiente para viver várias semanas sem comer.

Se o peso aumenta quando a quantidade de alimentos ingerida ultrapassa as necessidades energéticas do organismo, então, em algum momento da sua vida, os obesos comeram mais do que era preciso. Trata-se de um facto, mas o corpo humano, apesar de assegurar a sua própria regulação, por vezes também é caprichoso. O metabolismo baseia-se baseia-se em reacções químicas e transferências físicas observáveis, mas não apresenta um funcionamento universal. Tal como algumas pessoas têm o cabelo preto e outras são loiras ou ruivas, há indivíduos cujo metabolismo lhes permite comer tudo o que lhes apetece, enquanto outros não podem pisar o risco.

17 de dezembro de 2011

Como funciona o Metabolismo Ponderal? - A Caloria

sábado, dezembro 17, 2011
Hoje daremos continuidade a mais um artigo sobre o funcionamento do Metabolismo Ponderal. Depois de termos falado sobre o Metabolismo e sobre a Energia, hoje iremos falar sobre as calorias.

A Caloria

Os alimentos são o combustível do corpo. Para calcular as quantidades ideais para o bom funcionamento do organismo, é necessária uma unidade de medida, a quilocaloria (kcal). Na linguagem corrente chama-se caloria. A energia também pode ser expressa em quilojoules (kJ). Vejamos a equivalência entre as denominações: 
  • 1 quilojoules = 0,24 quilocalorias 
  • 1 quilocalorias = 4,18 quilojoules 
São as substâncias nutritivas essenciais, presentes na maioria dos alimentos, que transportam a energia. Falamos de proteínas (ou prótidos), dos hidratos de carbono (ou glúcidos) e das gorduras (ou lípidos). 
Assim, 25 gramas de proteínas ou de hidratos de carbono fornecem 100 quilocalorias, enquanto a mesma quantidade de gorduras proporciona cerca de 225 quilocalorias. Observe o valor por grama: 
  • 1 grama de proteínas = 4 quilocalorias 
  • 1 grama de hidratos de carbono = 4 quilocalorias 
  • 1 grama de gorduras = 9 quilocalorias
Consulte abaixo a tabela de calorias de alguns alimentos


15 de dezembro de 2011

Como funciona o Metabolismo Ponderal? - A Energia

quinta-feira, dezembro 15, 2011
Hoje apresentamos mais um artigo da série de artigo sobre o Metabolismo Ponderal. Depois de falarmos sobre como funciona o Metabolismo hoje iremos explicar como a energia é mecanizada no nosso organismo.
A Energia

O corpo humano queima gordura em permanência, tanto de dia como de noite, pois esta é indispensável para transportar o sangue, levar oxigénio às células e ativar o metabolismo. A energia do corpo é extraída da alimentação. Qualquer atividade suplementar leva a gastos adicionais de energia. Por exemplo, vários estudos demonstram que os ciclistas queimam acima de 6500 quilocalorias, por dia, numa prova como a Volta a França.

Como é que a Energia se liberta, como comanda os impulsos nervosos ou os movimentos musculares?
No caso da célula muscular, a energia provém da glucose, ou açúcar, que contém. Quando falta glucose à célula, ela recorre a uma reserva imediata, uma substância química chamada glicogénio, armazenada no fígado. Esta substância decompõe-se em glucose, a fim de fornecer a energia necessária. Como esta operação, designada por neoglicogénese, tem um mau rendimento, há uma parte da energia que se perde, sob a forma de calor. É por isso que, o exercicio muscular aquece. No organismo em repouso, a temperatura de base resulta da relação entre o calor produzido no interior do corpo e o calor perdido à superfície. Se essa reserva se esgotar, a célula emite um SOS às reservas de gordura. É o sistema nervoso central, por intermédio dos neurotransmissores e das hormonas que liberta no sangue, que desempenha a função de mensageiro entre a célula e as gorduras. Seguidamente, as hormonas desencadeiam uma série de reacções químicas no seio das gorduras, que , por sua vez, de decompõem em pequeníssimas unidades. Estas ultimas são conduzidas pelo sangue às células musculares, onde são queimadas para fornecer energia.

Se o corpo absorve mais alimentos do que o necessário para assegurar as funções vitais, recebe mais energia do que aquela que gasta, e o excedente é armazenado sob a forma de gordura. Essa reserva pode ser transformada em energia. No entanto, se isso não acontecer e a alimentação continuar a ser excedentária, abre-se o caminho para a obesidade.

* Valores de referência calculados para pessoas entre os 20 e os 40 anos.
As necessidades energéticas diminuem, em função da idade, à razão de:
  • 5% entre os 40 e 50 anos
  • 10% entre os 50 e 60 anos
  • 15% entre os 60 e 70 anos
  • 20% depois dos 70 anos

14 de dezembro de 2011

Como funciona o Mecanismo Ponderal? – O Metabolismo

quarta-feira, dezembro 14, 2011
Vamos dar inicio a uma série de artigos que explica como funciona mecanismo ponderal no corpo humano. Antes de mais, ponderal refere-se ao peso (ex: perda ponderal – perda de peso).
O peso de um ser humano depende, essencialmente, de três fatores:
  • O Metabolismo, ou seja, a forma como o corpo funciona e a energia que consome; 
  • A Glicólise, isto é, a produção de energia expressa na atividade física; 
  • A absorção de calorias, logo, a qualidade e a quantidade de alimentos absorvidos. 

O Metabolismo
Para o corpo humano garantir que tem a energia necessária para funcionar, conta com um sistema operativo eficaz. Este sistema chama-se metabolismo e engloba o conjunto de atividades, das mutações e das trocas químicas realizadas em todos os tecidos e em cada célula para responder às necessidades de energia do corpo. Permite também a formação, a manutenção e a reparação dos tecidos, assim como a elaboração de uma série de substâncias indispensáveis. É ainda responsável por transferências de energia importantes. Toda a acção metabólica depende de três fatores:
  • Função hormonal
  • Alimentação
  • Temperatura ambiente
O metabolismo basal corresponde à energia gasta nas reacções químicas elementares, indispensáveis para manter viva uma pessoa em repouso.

Mas será que este mesmo metabolismo é o responsável, nalguns de nós, pela tendência para a obesidade?
As opiniões dos especialistas sobre este assunto dividem-se. De facto, certos aspetos relacionados como o metabolismo podem estar na origem do problema. Cabe ao seu médico fazer essa análise.

O metabolismo difere de pessoa para pessoa. Existe quem tenha um metabolismo mais acelerado e por isso não tem tendência para engordar.

Dicas para acelerar o metabolismo
  • Tomar sempre o pequeno almoço
  • Nunca saltar refeições
  • Coma menos comida, mas mais vezes ao dia
  • Ingerir alimentos energéticos (couve-de-bruxelas, espinafres, brócolos, espargos, alface romana, lentilhas, feijão, nozes, amendoins, amêndoas, cajus, sementes de girassol e abóbora, iogurtes magros, ovos, frutos cítricos, maçãs, cereais integrais, salmão, carne magra e de aves, chá verde, café e chocolate preto - Planear refeições que incluam estes alimentos)
  • Um pouco de picante, mas não abuse ( Os alimentos picantes ou especialmente condimentados fazem maravilhas ao ritmo metabólico, aumentando-o em cerca de 50% durante pelo menos até três horas depois da refeição)
  • Beber muita água
  • Exercício físico
  • Praticar musculação
  • Uma boa noite de sono

22 de outubro de 2011

Saiba como controlar a Ansiedade

sábado, outubro 22, 2011
Nos dias que correm, este problema tem afectado cada vez mais pessoas em todo o mundo, devido ao elevado stress quotidiano.

O que é a Ansiedade?
A ansiedade, também conhecida como nervosismo, é uma sensação, característica do ser humano, derivada de momentos de tensão, preocupação e apreensão e sentida como anticipação de problemas. Também é conhecida com um estado emocional que se adquire por consequência de um acto.

Quando esta sensação é experimentada em momentos de muito stress, por exemplo a tomada de decisões importantes e situações muito dificeis de se lidar, é considerada normal. Mas caso esta sensação seja levada de maneira exagerada e constante, por exemplo com preocupações excesivas e situações que para a maioria das pessoas não encontra dificuldade, então será considerada como um transtorno, que pode afectar o individuo por vários anos e nalguns casos ser mesmo crónico.

É importante não confundir a ansiedade (transtorno) com a ansiedade do dia-a-dia. Todos nós por vezes nos sentimos tensos em relação a um acontecimento. Também não deve ser confundida com a fobia social e com o transtorno do pânico.

O que pode causar a ansiedade?
Normalmente este tipo de transtorno surge devido a vivências menos boas e também a problemas na infância.
Existem também causas biológicas como distúrbios hormonais ou anormalidades químicas a nível cerebral.
O stress exagerado da vida diária pode também causar este estado emocional.

Quais os sintomas deste transtorno?
  • Suores
  • Taquicardia
  • Nervosismo
  • Falta de Ar
  • Problemas digestivos
  • Fome exagerada
  • Fadiga
  • Sensação de desmaio
  • Insónia
  • Tonturas/Vertigens
  • Sensação de impotência
  • Tensão muscular
  • Tremores incontroláveis
  • Medos (de errar, de criticas, de magoar os outros, de desiludir)
  • Autocrítica auto-destrutiva
  • Irritação exagerada
  • Sentimento de inveja
  • Ingestão de calmantes ou bebidas alcoólicas, como alivio de tensões
  • Mania da perfeição

Como controlar a ansiedade?
A ansiedade é um transtorno emocional por isso deve ser tratada por um especialista, nomeadamente um psicoterapeuta. Existe medicação para controlo como por exemplo os antidepressivos e ansioliticos.
Existem também algumas dicas para ajudar a controlar a ansiedade como complemento ao tratamento clínico.
  • Aprender a relaxar
  • Respirar profundamente algumas vezes ao dia
  • Prática de actividade física (por exemplo uma caminhada)
  • Evitar produtos que tenham estimulantes (café, tabaco, droga, produtos com cafeína, etc)
  • Faça meditação ou ioga todos os dias
  • Faça uma alimentação saudável
  • Durma pelo menos 8 horas por dia

7 de outubro de 2011

Benefícios do Melão

sexta-feira, outubro 07, 2011
Cada 100gr de Melão possui, em média, 30 Calorias 

Existem imensas variedades de Melão em todo o mundo, existindo de cores e feitios diferentes.
O seu interior é abundante em água e macio, o que torna uma fruta muito procurada nas épocas mais quentes.

Afinal quais são os benefícios do Melão para a saúde?
  • Devido às suas propriedades diuréticas, ajuda a eliminar as toxinas do corpo, sendo assim uma fruta ideal para quem tem problemas de retenção de líquidos. 
  • Contribui para uma boa formação dos ossos, dentes e sangue, devido às suas razoáveis quantidades de Cálcio, Ferro e Fósforo. 
  • Protege a visão. 
  • Ajuda a prevenir e a combater infecções. 
  • Combate problemas de pele. 
  • Ajuda a controlar os níveis de colesterol no sangue. 
  • Aumenta a resistência dos vasos sanguíneos e capilares. 
  • Fortalece o sistema imunitário. 
  • É recomendado nos casos de gota, reumatismo, artrite, obesidade, colite, prisão de ventre, afecções renais, nefrite, cistite e infecções ginecológicas. 
  • É aconselhado para planos de emagrecimento, dietas de diabéticos e de hipertensos, por ser pouco calórico. 
  • Ajuda na digestão. 
  • É aconselhado no combate à prisão de ventre. 
  • Combate problemas problemas de fígado, hepatites, cirroses hepáticas e cálculos renais. 
  • Melhora a circulação, ajudando assim a normalizar a menstruação na pré - menopausa. 
Dicas
É aconselhável ser consumido antes das refeições.

Costuma consumir regularmente Melão?

14 de setembro de 2011

Beneficios da Laranja

quarta-feira, setembro 14, 2011

Cada 100 gramas de laranja possui, em média, 42 calorias e 4,3 gramas de fibras.
Hoje em dia consegue-se comer laranjas durante todo o ano. Vai longe o tempo em que esta fruta era apenas abundante entre os meses de Janeiro e Maio. É uma fruta que está ao alcance de todos com boa qualidade e a um preço bastante acessível comparado a outros frutos, como o morango e até o abacaxi.
A Laranja no Inverno é uma grande aliada contra gripes e constipações, e no Verão ajuda a manter o peso. Devido ao seu baixo teor de gordura e calorias, é facilmente aconselhada para programas de perda e controlo de peso.
A laranja é extremamente rica em vitamina C (100 gramas fornecem aproximadamente 60 mg de vitamina C, a dose diária recomendada desta vitamina), em sais minerais (ácido fólico, potássio, cálcio, ferro, magnésio e fósforo) e fibras.

Afinal quais são os benefícios da laranja para a saúde?
  • O betacaroteno, que confere a cor à laranja, assegura a este fruto um alto nível de protecção antioxidante.
  • A pectina, uma fibra solúvel (encontrada principalmente entre os gomos da fruta, nas membranas e parte branca) ajuda ainda a controlar os níveis de colesterol do sangue.
  • Aumenta a protecção contra as infecções e gripes.
  • Facilita a digestão e a função intestinal.
  • O seu consumo ajuda a manter a estrutura óssea, melhorando a construção muscular e a coagulação do sangue.
  • Reduz ainda os danos causados pela acção dos radicais livres, preservando assim um aspecto jovem do individuo.
  • Reforça as defesas do organismo.
  • Corrige a acidez excessiva do organismo.
Dicas
  • Antes de uma caminhada beba um copo de sumo de laranja: dá energia, hidrata o corpo e diminui o colesterol.
  • Para aproveitar o máximo dos nutrientes do sumo de laranja, faça o sumo no liquidificador ou numa centrifugadora (que aproveita o suco da laranja inteira). Se optar por espremer a laranja, a maioria dos nutrientes não serão aproveitados.
  • Uma laranja por dia ajuda a prevenir certos cancros.

3 de setembro de 2011

O Exercício Físico e o Álcool

sábado, setembro 03, 2011

Uma pesquisa mostrou que pequenas quantidades de álcool aumentam a resistência muscular e a força, mas estes benefícios são de pouca duração. Depois de 20 minutos, estes benefícios irão desaparecer e dar lugar aos seguintes malefícios: reduz a força, a resistência, a capacidade aeróbica, o tempo de recuperação, a capacidade de metabolização da gordura, o crescimento muscular e quando usado a longo prazo, pode causar uma grave deterioração do sistema nervoso central.

O álcool causa uma libertação de insulina, que aumenta o metabolismo de glicogénio, que poupa gordura e faz com que a perda de gordura seja muito difícil.
Como o fígado é o órgão que desintoxica o álcool, quanto mais você bebe, mais o seu fígado tem que trabalhar. O stress extra das bebidas alcoólicas no seu fígado pode causar danos graves e até mesmo destruir algumas células do seu fígado.

O álcool é diurético, e quando consumido em grandes quantidades pode colocar muito stress sobre os rins, e durante este processo pode ocorrer retenção de líquidos.

Se quiser beber, beba com moderação, mas  nunca antes do seu treino.

2 de agosto de 2011

Selinho

terça-feira, agosto 02, 2011
Recebi um selinho do blog da Marisa Marques.
Muito obrigada pelo selinho e vou passar aos seguintes blogs
Coisas doces
!!Links!!
Amor e outras crises do género
Só se vê bem com o coração
Cortes e decotes
Nada para vestir

26 de julho de 2011

O Chá Verde

terça-feira, julho 26, 2011
O chá verde é extraído da planta Camellia sinensis tal como o chá preto e o seu nome deve-se ao facto de as suas folhas sofrerem pouca oxidação durante o processo, o que não acontece com o chá preto, por exemplo.
É utilizado há milhares de anos devido as suas propriedades benéficas para a saúde. Mas o que torna popular é facto de ser um considerado um complemento natural na perda de peso, pois estimula o metabolismo acelerando assim a perda de calorias e consequentemente a perda de peso.
Quando se faz uma dieta diária equilibrada, baixa em calorias e exercício físico para perder peso, é aconselhável adicionar 2 a 3 chávenas de chá verde para obter mais facilmente os resultados pretendidos.

Quais os benefícios do Chá verde?
  • Acelera o metabolismo que ajuda no emagrecimento
  • Reduz o colesterol
  • Anti-inflamatório natural
  • Melhora a circulação sanguínea
  • Redução dos lípidos no sangue
  • Previne doenças cardiovasculares
  • Mantém o estado de alerta mental
  • Ajuda no tratamento de acne
  • Previne o envelhecimento
  • Protege os pulmões
  • Diminui o risco de osteoperose
  • Ideal para combater fadiga, preguiça, sonolência e falta de energia
  • Estimula a imunidade
  • Previne o cancro do cólon, recto, pâncreas e intestino
  • Actua como anti-diabético
  • Anti-stress
  • É usado no tratamento da esclerose múltipla, artrite reumatóide, Parkinson e da doença de Alzheimer
O chá verde contém algumas substância, que quando o ingerimos em excesso tornam-se prejudiciais para a saúde, eis algumas:
Triterpene Saponinas - Estes destroem os eritrócitos podendo assim causar fadiga e agravar a anemia, por exemplo.
Taninos - Interferem com a quebra de proteínas complexas em proteínas mais simples e com a sua absorção no organismo.
Xantina Alcalóides - Podem agravar a formação de ácido úrico no organismo o que pode causar a formação de pedras na vesícula, rins, reumatismo entre outros.
Cafeína - Aumenta a pressão arterial, vicia, e a longo prazo tem um efeito adverso sobre o fígado e outros órgãos internos.
Consumo a longo prazo e em grandes quantidades - Pode causar insónias, agitação, aborrecimento, irritabilidade, dores de cabeça, hipertensão arterial, batimentos cardíacos anormais, perda de apetite, convulsões, constipação intestinal aguda e dependência pelo chá.

Dicas importantes
A hora ideal para beber o chá é de manhã e ao inicio da tarde.
Caso não aprecie o sabor intenso do chá, para tirar melhor proveito pode consumi-lo através de comprimidos, pastilhas, cápsulas,etc. Basta ir a uma ervanária ou mesmo a um supermercado, mas antes aconselhe-se no seu médico.
O chá verde com sumo de limão é popular para cortar o efeito do álcool e para recuperar uma ressaca.

Costumam beber chá verde?

20 de julho de 2011

Ginástica em casa: Fazer aeróbica em casa

quarta-feira, julho 20, 2011
Hoje trago um video para fazerem em casa alguns exercícios de aeróbica.

O video não tem qualquer musica, por isso para maior motivação e boa disposição ponham uma musica ao vosso gosto durante o treino.

19 de julho de 2011

Exercício Físico - Perguntas e respostas (Parte IV)

terça-feira, julho 19, 2011
Hoje será o ultimo artigo da série de artigos sobre o exercício físico. Falamos sobre os benefícios, como usufruir dos benefícios e os mitos, e agora irei mostrar várias perguntas que são muitas vezes feitas no que toca ao exercício físico.

Como evitar a "dor de burro" quando fazemos treino cardiovascular?
O termo correcto para a "dor de burro" são espasmos e dores no interior da zona abdominal. Surgem normalmente durante o exercício físico, especialmente nos primeiros tempos. Quando a dor surge é aconselhável diminuir a intensidade do treino, e para preveni-la deverá começar o treino de forma menos intensa e depois ir aumentar e também não comer nas duas horas anteriores.

Temos mesmo que esperar três horas depois de comer para fazer exercício físico?
Depende do que foi ingerido na refeição. Por exemplo, se comeu uma refeição pesada é melhor esperar as três horas ou até mais antes de começar a fazer exercício físico. Se fez uma refeição leve, pode começar duas horas depois, para garantir que a digestão é bem feita. Se fizer corrida depois de comer, pode ser prejudicial para a sua saúde.

Qual o mais apropriado, correr na passadeira ou ao ar livre?
Ambos tem as suas vantagens e desvantagens. Para quem não têm lugar para correr, a passadeira é o mais apropriado, também tem a vantagem de proteger mais as articulações dos impactos do solo em relação à corrida ao ar livre.

Qual a melhor hora para treinar?
As ideias aqui separam-se. Há quem prefira de manhã cedo, ou ao final da tarde. As duas opções têm as suas vantagens. Nunca se deve fazer exercício no pico de calor e depois das 20:00 ou 20:30 porque nessa altura o corpo começa a baixar o seu rendimento, quer a nível muscular quer a nível cardiovascular. Treinar de manhã é bom para perda de peso, o metabolismo está acelerado, mas ao final da tarde, está mais desperto e assim mais atento ao esforço que faz, prevenindo assim lesões.

Tenho que beber ou comer durante o treino?
A única maneira de conservar os níveis de energia, durante um treino longo, ou uma volta de bicicleta longa, é  ingerir hidratos de carbono e água durante o treino. Se o treino ultrapassar uma hora e meia é recomendável recorrer-se às bebidas (bebidas isotónicas ou água), às barras energéticas, frutos secos ou aos complementos em gel.

Qual a melhor altura para alongar?
Qualquer altura é boa, desde que os músculos não estejam "frios". Quando se faz musculação os alongamentos deverão ser feitos no final do treino, pois para obter melhor contracção muscular não se deve relaxar os músculos antes. é fundamental o alongamento depois de qualquer treino, pois ajuda os músculos a relaxar e previne lesões.

Espero que tenham gostado desta série de artigos sobre o exercício físico.
Têm alguma sugestão para outra série de artigos?

14 de julho de 2011

Exercício Físico - Os mitos (Parte III)

quinta-feira, julho 14, 2011
Hoje trago mais um artigo sobre o exercício físico, depois de ter falado dos benefícios e de como usufruir dos mesmos, irei falar agora dos mitos. Como em tudo na vida, também existem mitos para o exercício físico, e vou começar a desvendá-los.

Mito 1 - Irei queimar mais gordura se treinar com uma intensidade menor
O mais importante na prática de exercicio fisico e no controlo de peso não é a percentagem de energia para os exercícios provenientes de gordura, mas sim o custo total de energia, ou seja, a quantidade de calorias que são queimadas durante a actividade. Claro que devemos começar sempre um plano com uma intensidade menor e só depois devemos aumentar de forma gradual.

Mito 2 - Praticar exercício é uma forma de perder o peso que desejo
A perda ou o ganho de peso é influienciado por muitos factores, como a alimentação e a genética. Todas as pessoas que praticam exercício não irão perder a mesma quantidade de peso com o mesmo programa de treino. Somente o exercício físico não chega para perder o peso ou mantê-lo, temos que o aliar a uma boa alimentação e adequar um plano ao nosso organismo.

Mito 3 - Para perder peso, não preciso de fazer musculação
Completamente errado. A maioria dos especialistas afirma que a actividade cardiovascular e a musculação são importantes para perder e manter o peso ideal. A musculação ajuda a manter a massa muscular e diminui a percentagem de gordura corporal.

Mito 4 - O exercício físico só funciona quando sentimos dor no dia seguinte
A dor após e durante a actividade fisica não é sinal que estamos a ser bem sucedidos. Quer dizer sim, de que os limites estão a ser ultrapassados. Os sedentários, normalmente após várias sessões de treino, sentem dores mas isso acontece porque o corpo ainda não se habituou ao esforço. Com o tempo irão diminuir porque a condição física melhora.


Mito 5 - Fazer abdominais queima gordura na barriga
Não existe queima de gordura localizada, seja onde for. A gordura corporal só é metabolizada (este é o termo correcto) no exercício físico quando praticamos exercícios aeróbios (caminhada, natação, bicicleta, corrida). Assim ela é metabolizada de forma geral. Os exercícios para pernas braços, zona abdominal servem apenas e exclusivamente para tonificar.

Mito 6 - Usar roupa com efeito sauna durante o exercício faz emagrecer
É um dos mitos mais perigosos, porque podemos perder água em demasiada e causar uma desidratação. Suar não faz emagrecer, suor significada perda de água do organismo.

Mito 7 - Não se deve beber água durante os exercícios
É importante bebermos água antes, durante e depois do exercício. Com o exercicio perdemos água e sais minerais, e devemos beber água para prevenirmos uma desidratação.

Mito 8 - Praticar exercício físico em jejum emagrece
O emagrecimento depende das reservas de hidratos de carbono do organismo, que diminuem quando estamos em jejum. Assim, exercício físico em jejum causa a diminuição da massa muscular e não da gordura.

Mito 9 - A natação é o desporto mais completo que existe
Não existe desportos 100% completos. Tem qe se adequar actividades a cada individuo conforme as suas necessidades. Por exemplo, quem sofre de desvios posturais não é aconselhável a natação quando existem descompensações musculares e uma incorrecta técnica de natação.

Mito 10  - Quanto mais exercício melhor
O nosso organismo também precisa de descanso para poder usufruir dos beneficios proporcionados pela actividade fisica. é importante que saibam os vossos limites e que cumpram um tempo de recuperação.

Mito 11 - Fazer exercício físico por pouco tempo e por poucas vezes, é o mesmo que não fazer nada
Este mito é o responsável pelo abandono da actividade fisica e pela falta de adesão. Qualquer acção que se tome para aumentar a actividade fisica ajuda e conta. O importante é começar e quando se começar a ver os resultados irá sentir motivação para se aplicar mais.

Conheciam estes mitos?

12 de julho de 2011

Exercício Físico - Como usufruir dos benefícios? (Parte II)

terça-feira, julho 12, 2011
Depois de ter iniciado a série de artigos sobre Exercício Físico com o artigo sobre os benefícios do exercício físico, hoje irei dar continuidade com um artigo que irá explicar como usufruir da melhor forma dos benefícios proporcionados.
O ideal é praticarmos exercício físico diariamente, mas para quem não tem tanta disponibilidade, é aconselhável exercitar-se pelo menos 3 vezes por semana, no mínimo, meia hora e trabalhar todos os grupos musculares.
É importante irmos aumentando o tempo de duração e frequencia, e aumentar a intensidade progressivamente.
Se estás a pensar começar agora um programa, opta por um leve e vai aumentado o ritmo ao longo dos dias.
Uma caminhada de 20/30 minutos por vezes é suficiente para começarmos um bom plano de exercícios.

Para conseguirmos tirar o maior proveito dos benefícios temos que ter em conta os seguintes aspectos
  • Incluir alguns períodos de actividade física intensa.
  • Exercitar grande parte dos músculos do tronco e membros inferiores.
  • Incluir exercícios aeróbios e anaeróbios.
  • Manter o hábito da prática de exercício físico ao longo da vida.
  • Fazer exercício 3 a 5 vezes por semana com 1 ou 2 dias de descanso para recuperação.
  • Faça um plano à sua medida.
  • Se tiver problemas de saúde crónicos ou problema cardíacos, deverá procurar o seu médico para aconselhamento.
  • Pessoas com mais de 50 anos é aconselhável consultarem o seu médico para garantir que não têm problemas cardíacos ou outros problemas de saúde.
  • Alongar antes de iniciar a prática de actividade física para prevenir o risco de lesões.
  • Beber água para prevenir a desidratação.
  • Não fazer exercício físico quando se está doente ou com alguma indisposição.
  • Aliar o exercício físico a uma alimentação saudável.
Que estão a achar desta série de artigos?

11 de julho de 2011

Exercício Físico - Os benefícios (Parte I)

segunda-feira, julho 11, 2011
Olá. Irei abordar aqui no blog uma série de artigos sobre a Actividade Física. Irei falar sobre os seus benefícios, qual a melhor altura para o fazer, que cuidados a ter antes, durante e depois da prática de exercício, entre outros.
A prática de exercício físico sempre esteve ligada a uma vida mais saudável, por isso é recomendada pelos médicos a pessoas de todas as idades.

Quais os benefícios da prática de actividade física?

  • Melhora o sono
  • Proporciona bem-estar físico e psíquico
  • Melhora a composição sanguínea
  • Melhora o funcionamento do intestino
  • Fortalece a coluna
  • Aumenta a resistência óssea e massa muscular
  • Melhora a circulação do sangue
  • Retarda o envelhecimento
  • Alivia as tensões emocionais
  • Melhora o funcionamento dos pulmões e do coração
  • Ajuda no emagrecimento
  • Prevenção ou redução da pressão arterial
  • Durante o treino possibilita distracção e distanciamento dos problemas do dia-a-dia
  • Reduz a depressão e a ansiedade
  • Previne Osteoperose, Diabetes, Hipertensão e Diabetes
  • Melhora a auto-estima, a postura, imunidade às infecções e a recuperação de doenças e cirurgias
  • Reduz a solidão, a necessidade de alguma medicação, a incontinência, a fadiga e a obesidade
Apesar destes benefícios, estudos indicam que a percentagem de praticantes de exercício físico é reduzida e inquéritos realizados pela OMS (Organização Mundial de Saúde) no mundo são bastante negativos: a percentagem de adultos sedentários ronda os 60% a 85%.

10 de julho de 2011

Alimentos que ajudam a bronzear

domingo, julho 10, 2011
Como o verão chegou o que mais queremos é ter um bronzeado de meter inveja, por isso deixo aqui algumas dicas de como obte-lo de forma natural.

Nós somos aquilo que comemos, e se consumirmos alimentos rico em vitamina E, poderemos ter uma pele mais bonita e ter um bronzeado mais intenso e duradouro durante o verão.
Os alimentos que contém betacaroteno são óptimos para um belo bronzeado, porque o betacaroteno é um pigmento alaranjado antioxidante estimulador da melanina, responsável por deixar a pele bronzeada. Mas atenção "A ingestão em excesso pode resultar num acumulo desse pigmento alaranjado na palma das mãos, conhecido por hiperbetacarotenemia" revela Erika Checon Romano.

Quais os alimentos que nos ajudam no processo de bronzeamento?
  • Cenoura
  • Couve
  • Mamão
  • Manga
  • Milho
  • Abóbora
  • Agrião
  • Batata-doce
  • Beterraba
  • Brócolos
  • Gema de ovo
  • Limão
  • Kiwi
  • Espinafre
  • Repolho
Dica: Beber um sumo natural de cenoura e laranja todos os dias irá ajudar a manter o bronzeado e tornar a pele mais bonita.

Varizes (insuficiência venosa)

domingo, julho 10, 2011
As Varizes podem atingir qualquer pessoa, mas têm mais incidência nas mulheres do que nos homens.
Este problema é mais que uma questão estética, é também uma questão de saúde. Se não forem tratadas a tempo podem evoluir para situações mais sérias a nível de saúde, por exemplo tromboses. É fundamental apostar na prevenção.

Quais são as causas?
  • Má postura
  • Uso de saltos altos
  • Realização de tarefas domésticas
  • Oscilações do fluxo sanguíneo durante o ciclo menstrual
  • Gravidez
  • Excesso de Peso
  • Hereditariedade
  • Profissão
Existem dois tipos de varizes
  • Telangiectasias ou Derrames - São pequenas veias que surgem debaixo da pele e são caracterizadas põe linhas vermelhas ramificadas.
  • Veias varicosas - São conhecidas por varizes são veias dilatadas e alongadas, com pequena ou grande profundidade, que surgem com uma cor azul cinza e a sua origem vem da falência valvular e da perda de elasticidade e tonicidade.
Quais são os sintomas?
  • Sensação de pernas pesadas, cansada, doridas e inchadas
  • Cãibras
Como prevenir a insuficiência venosa?
  • Praticar exercício físico com regularidade
  • Alimentação rica em fibras e variada
  • Evitar vestuário apertado e saltos altos
  • Evitar calor em excesso
  • Evitar viagens longas
Como tratar este problema?
  • Drenagem Linfática (Massagem)
  • Hidroterapia (Balneoterapia)
  • Acupunctura (Técnica oriental)
  • Cirurgia convencional (laqueação e o stripping)
  • Métodos não cirúrgicos (Laser)
O Inverno é a melhor época para realizar os tratamentos. Pode-se encontrar este tipo de em clínicas de estética, Medical Spas e nos Hóspitais convencionais.
Antes de se recorrer a um tratamento, deve-se avaliar a situação para assim recorrer-se ao tratamento mais adequado.

Menstruação irregular

domingo, julho 10, 2011
Hoje trago um tema dedicado exclusivamente às mulheres e que é com certeza uma grande dor de cabeça para quem sofre deste problema: a menstruação irregular.

A menstruação irregular é caracterizada por ciclos menstruais que não seguem o ritmo semelhantes todos os meses, dificultando assim a detecção do período fértil.
Geralmente os ciclos menstruais durante entre 21 a 40 dias, sendo 28 dias o ciclo mais regular. No entanto os intervalos entre as menstruações podem ser mais longos posteriormente à primeira menstruação e também em anos anteriores próximos ao aparecimento da menopausa.
O consumo da cafeína para fins medicinais diminui o intervalo mensal entre os ciclos.
Ciclos menstruais irregulares (que duram mais de 42 dias) podem ser um sinal de problemas futuros de sobrepeso, diabetes e doenças cardíacas em adolescentes, afirma pesquisa publicada na revista Fertility and Sterility.

Factores responsáveis pela menstruação irregular
  • Ganho ou perda significativa do peso
  • Exercício em excesso
  • Síndrome de ovário/ predomínio de estrogênio
  • Desnutrição (ou dieta com exagero de hidratos de carbono)
  • Medicamentos
  • Quimioterapia
  • Tabagismo
  • Drogas
  • Cafeína
  • Alimentação desordenada
  • Stress
  • Desequilíbrio Hormonal relacionado ao pré-menopausa
  • Parto
  • Uso excessivo do álcool
  • Disfunções uterinas
Plantas medicinais que ajudam a equilibrar a menstruação
Arruda – infusão ou essência das flores
Artemísia – infusão das flores ou da raiz
Chagas – banhos localizados com flores ou frutos
Loureiro – infusão
Maravilha – decocção das flores
Onagra – óleo (das sementes)
Salsa – infusão
Visco-branco – infusão ou pasta das folhas (secas)

Já sofri deste problema e no meu caso era uma desequilíbrio hormonal, consultei a minha médica e aconselhou-me tomar a pílula e resolvi seguir o conselho e resultou.

Se estiveres a sofrer desta patologia é aconselhável consultares teu medico ou ginecologista.

Mau hálito (Halitose)

domingo, julho 10, 2011
Hoje irei falar sobre um problema que afecta a nossa auto-estima, e que nos deixa desconfortáveis em relação aos outros - o Mau hálito.

A Halitose consiste na mudança do hálito para odor desagradável que incomoda quer a pessoa que sofre do problema quer as pessoas com quem se relaciona.
Cerca de 60% de toda a população mundial tem ou teve mau hálito.

O que causa o mau hálito?
  • Halitose fisiológica (mau hálito matinal)
  • Dieta
  • Desidratação
  • Hipossalivação ou boca seca
  • Stress
  • Alterações morfológicas na língua
  • Falta de higiene oral
  • Cárie dentária
  • Cicatrização de feridas cirúrgicas
  • Neoplasia
  • Estomatite
  • Amigdalite, Faringite e Sinusite
  • Presença de corpos estranhos
  • Ingestão de alimentos com odor intenso
  • Tabagismo e medicamentos
  • Hipoglicemia
  • Alterações intestinais, hepáticas, pulmonares, renais e gástricas
  • Diabetes
  • Hipertermia
  • Doenças raras
  • Herpes
  • Hemofilia
  • Anemia aplástica
  • Leucemia
  • Sífilis
  • Hemorragia interna
  • Entres outros
Como tratar a halitose?
  • Disfarçar - Há quem disfarce o odor desagradável com desodorizantes orais, pastilhas elásticas com sabor fresco (menta), sprays orais, elixires e anti-sépticos, entre outros. Estes métodos não eliminam o mau hálito, pois só estará disfarçado e voltará mais tarde. Há pessoas em que isto são práticas diárias e continuadas, sendo mais tarde quase um "vicio".
  • Prevenção - Para não sofrer de mau hálito há que prevenir o seu aparecimento. É essencial ter uma boa higiene oral (lavar os dentes e língua após todas as refeições, se possível), evitar alimentos que tenham sabor e odor intenso (cebola, alho, etc), bocejar a boca com água oxigenada ou elixires, entres outras.
  • Tratamento curativo - Quando não se sabe a origem do mau hálito, não se pode curar por isso é melhor consultar um médico ou dentista para depois se fazer o diagnóstico. Depois de conhecido, irá fazer-se o tratamento adequado.
Já alguma vez sofreram de mau hálito? Qual foi a causa e como trataram?

Vegetarianismo

domingo, julho 10, 2011
Hoje decidi abordar este tipo de alimentação que hoje em dia tem cada vez mais adeptos: O vegetarianismo.

Quais as dificuldades de alguém que quer iniciar um regime vegetariano?
  • Dificuldade em saber quais os alimentos (característicos deste regime) que contêm os nutrientes essenciais para uma alimentação mais saudável.
  • Encontrar as substituições de alimentos adequadas.
  • Não saber como se confeccionam os alimentos.
Uma refeição vegetariana pode ser tão simples de fazer e tão saborosa como as refeições de carne ou peixe. A carne pode ser substituída por feijão, soja, seitan, tofu e cogumelos.
O regime vegetariano é pobre em gorduras saturadas e em colesterol (que é encontrado na carne), por isso é indicado a pessoas que têm problemas do coração.

Porque é que o vegetarianismo previne o aparecimento de cancro?
  • A alimentação vegetariana é rica em legumes, fibras e em frutas e pobre em gorduras.
  • Os vegetarianos consomem muito caroteno (pigmento orgânico encontrado nas plantas e microrganismos como algas e fungos e que em grande quantidade torna-se um agente antioxidante e anti-cancerígeno).
  • A dieta vegetariana faz aumentar o número de células fagocitárias que são capazes de destruir as células cancerígenas.
Quais as principais razões que levam alguém a tornar-se vegetariano?
As principais causas são a saúde, o respeito pelos animais e pelo meio ambiente.

Existem vários tipos de vegetarianos. Quais são?
  • Lacto-vegetarianos - Vegetarianos que consomem leite e seus derivados.
  • Ovo-vegetarianos - Vegetarianos que consomem ovos.
  • Ovolactovegetarianos - Vegetarianos que consomem ovos e leite.
  • Vegetarianos puros ou veganos - Excluem da sua alimentação todos os produtos de origem animal. Além de carnes, peixes, aves, lacticínios (leite, manteiga, queijo, iogurte etc.), excluem ovos, mel, gelatina etc.
  • Existem vegetarianos que, para além da alimentação, também evitam o uso de couro, lã, seda e de outros produtos menos óbvios de origem animal, como óleos e secreções presentes em sabonetes, champôs  cosméticos, detergentes, perfumes, filmes etc.
Quais os benefícios de seguir um regime vegetariano?
  • Reduz o risco de mortes por enfarte.
  • A probabilidade de morte causada por doenças cardíacas é menor.
  • Os níveis de colesterol são mais baixos.
  • Menor pressão arterial.
  • Reduz o risco de apresentar diverticulite.
  • Reduz o risco de aparecimento de diabetes.
  • Probabilidade duas vezes menor de apresentar pedras na vesícula nas mulheres vegetarianas.
  • Os não-vegetarianos têm risco 54% maior de ter cancro da próstata.
  • Os não-vegetarianos têm risco 88% maior de ter cancro de intestino grosso (cólon e recto). 
  • A dieta vegetariana pode ser benéfica para os que sofrem de doença renal (principalmente os que não fazem diálise e apresentam diurese).
  • O consumo de carne aumenta até três vezes a probabilidade de desenvolver uma demência cerebral.
  • Os alimentos crus reduzem os sintomas de fibromialgia.
Como é que um vegetariano consegue atingir as necessidades nutricionais diárias de alguns nutrientes, como vitamina B12, ferro e cálcio, já que suas principais fontes estão em alimentos de origem animal?
Alguns dos alimentos que os vegetarianos consomem são ricos em ferro ou em cálcio. A vitamina B12 é so encontrada em ovos, leite e seus derivados, por isso se for um vegetariano puro deverá tomar suplementos desta vitamina.

És vegetariano/a ou conheces alguém que o seja ? Qual é a tua opinião em relação a este regime de alimentação?

Deixar de fumar - Parte II

domingo, julho 10, 2011
Este artigo é a continuação do artigo Deixar de fumar - Parte I.
Uma das maiores dificuldades para o abandono do tabaco é sem duvida a sua dependência química.
O nosso organismo só consegue livrar-se de 70% de nicotina e alcatrão pelos meios de eliminação (suor, urina, etc), e os outros 30% destas substâncias ficam absorvidas nos pulmões. Quando o sangue vai buscar oxigénio aos pulmões leva consigo estas substâncias distribuindo-as por todo o corpo, incluindo cérebro (comando central), criando assim a dependência.

Trago aqui um tratamento caseiro (retirado do livro Viva Melhor) para eliminar estas substâncias nocivas
Ingredientes:
50gr de Agrião
3 colheres de mel
1 copo de leite1
1 Gema de ovo
Canela em pó (a gosto)

Modo de Preparação:
Bater no liquidificador o agrião com mel, leite e gema de ovo.
Ferver o preparado por cerca de cinco minutos e acrescentar canela em pó
Repetir 3 vezes por semana.

Isto tudo só resulta se existir uma grande força de vontade. Que acharam deste tema?

9 de julho de 2011

Deixar de fumar - Parte I

sábado, julho 09, 2011
O vicio de fumar é uma grande impedimento para levarmos uma vida mais saudável, por isso tinha que o abordar aqui no blog.
Irei abordar o assunto do tabaco em duas partes. Estejam atentos e sigam este importante assunto.

O fumo do tabaco reduz a capacidade de oxigenação do sangue.
As folhas de tabaco contêm nicotina - uma substância muito tóxica e viciante - e o seu fumo contêm igualmente outras substâncias tóxicas, que na maioria são responsáveis pelo aparecimento de cancro (pulmões, brônquios, laringe, lábio e boca), de doenças cardiovasculares (enfarte do miocárdio), bronquites, enfisemas, úlceras de estômago, úlceras no intestino e perturbações do sistema nervoso.
A organização Mundial de Saúde, classifica o tabaco como a principal causa de doença e morte no mundo.



Dicas para deixar de fumar
  • Faz uma lista de todos os aspectos positivos e negativos que o tabaco te pode proporcionar.
  • Observa qual a lista é maior (Se os aspectos negativos forem em maior numero é porque tens que mudar para melhorar a tua saúde).
  • Se optares mesmo por deixar de fumar, estabelece uma data para parar de fumar.
  • Tens de estar convicto de que é isso que queres, senão não valerá a pena.
  • Deixar de fumar engorda. Falso - isto só acontece quando substituímos o tabaco por comida, refugiamo-nos na comida e isso está errado, isto só irá fracassar o teu plano, irás desanimar e voltar a fumar.
  • Come mais verduras e menos hidratos de carbono. Podes fazer um regime vegetariano simples, sem condimentos picantes.
  • Retira de tua casa tudo que te lembre o tabaco (maço, isqueiro e cinzeiro).
  • Evita frequentar locais em que o ambiente esteja saturado de fumo (bares, discotecas, cafés, restaurantes).
  • Pratica exercício físico, nem que seja uma caminhada todos os dias.
  • Escova os dentes para sentir o hálito fresco.
  • Se para ti o cafézinho é acompanhado por cigarro, reduz também o consumo de café.
  • Avisa os teus amigos e familiares da tua decisão para receberes o apoio deles.
  • Se a primeira tentativa para deixar de fumar não for bem sucedida, não te deixes vencer. Ganha coragem, força de vontade e a segurança suficiente e volta a tentar, sempre e sempre, até deixares de vez e nunca mais tocares num cigarro.
Se és fumador/a já tentaste deixar de fumar? Se és ex-fumador/a como conseguiram largar o vicio?

Prisão de ventre

sábado, julho 09, 2011

O que é a Prisão de Ventre?
A prisão de ventre ou obstipação é uma disfunção intestinal que se caracteriza pela dificuldade em evacuar as fezes, e reflecte-se em sintomas de desconforto abdominal, dor, acumulação de gases, falta de apetite, boca amarga, alteração dos hábitos intestinais, dores de cabeça e distensão abdominal.
A prisão de ventre é diagnosticada com maior frequência em mulheres e muitas vezes acontece no periodo pré-menstrual.

Quais são as suas causas?
  • Dificuldades digestivas
  • Alimentação inadequada
  • Doenças nervosas
  • Ansiedade
  • Sedentarismo
  • Processos inflamatórios
  • Alguma medicação
  • Desidratação
  • Ignorar a vontade de evacuar
Como se trata?
Primeiro de tudo deves começar a incluir na sua alimentação alimentos ricos em fibras (cereais integrais, frutas e hortaliças cruas e cozidas), consumir menos carnes vermelhas, reduzir nos hidratos de carbono e farináceos (arroz branco, farinha de trigo, branca, açúcar refinado), mastigar bem os alimentos, praticar mais exercício físico e regular a hora das refeições.

Existem tratamentos caseiros?
Sim existem. Passo a citar alguns.
  • Beterraba - Beber sumo natural de beterraba, 1 copo 2 vezes ao dia.
  • Cenoura - Beber sumo natural de cenoura, 1 copo 2 vezes ao dia
  • Quiabo - Cozer em vapor e tempere com azeite e sal e inclua na sua dieta.
  • Ameixa - Pôr de molho 5 ameixas secas num copo com água durante 6 horas. Comer as ameixas e beber a água.
  • Abacaxi - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Mamão - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Manga - Fazer refeições exclusivas 2 vezes por semana.
  • Iogurte - 1 copo de iogurte natural, 6 ameixas e 3 colheres de mel - passar tudo no liquidificador e comer em exclusivo ao pequeno-almoço.
É recomendável a consulta de um médico.
Já alguma vez sofreram de prisão de ventre? Como a trataram?

Os benefícios do Morango

sábado, julho 09, 2011

Hoje trago outro fruto para vos mostrar os seus benefícios: O Morango
Cada 100 gramas de morango possui, em média, 38 calorias e 1,4 gramas de fibras.

O morango para além de ser uma fruta saborosa, proporciona vários benefícios ao nosso organismo.
O morango é um fruto carnoso, suculento, de sabor levemente ácido, e contém várias substâncias essenciais para o organismo, como o potássio, o sódio, magnésio e o cloro, responsáveis pelo metabolismo e pelo movimento da musculatura cardíaca.
É também rico em vitamina C e Ferro, e tem propriedades antioxidantes.

Afinal quais são os benefícios do Morango?
  • Previne hemorragias e combate infecções.
  • Ajuda a cicatrizar ferimentos.
  • Ajuda a dar mais resistência aos tecidos e reduz dores musculares.
  • Combate os radicais livres e estimula a circulação sanguínea.
  • Fortalece os dentes e os ossos.
  • Ajuda nos problemas de cálculos renais.
  • Trata dores artríticas e gota.
  • Trata reumatismos.
  • É ideal para a prisão de ventre, pois é altamente diurético (possui 90% de água).
  • Ajuda no tratamento de problema hepáticos (fígado).
  • Ajuda no tratamento de problemas do sistema nervoso e do aparelho digestivo.
  • Reduz a temperatura do corpo em casos de febre.
  • É também utilizado em produtos de cosmética e tratamentos de beleza caseiros, devido as suas propriedades antioxidantes.
Alguns tratamentos à base de morango
  • Artrite/Gota - Fazer refeições exclusivas de morango 2 dias por semana, durante 4 semanas.
  • Febre - Tomar sumo de morango 1 copo, 3 vezes ao dia.
Dicas
  • Quanto mais cortado o morango estiver, mais irá entrar em contacto com o oxigénio, isso implica que grande parte das substâncias antioxidantes se irá perder.
  • Não utilizes um electrodoméstico para triturar ou preparar o morango, devido também a perda de antioxidantes. Se não for possível, utilize por pouco tempo.
  • Se fizeres uma bebida com o morango, bebe logo. As substâncias passam por uma metamorfose quando se passa o morango a "estado liquido".
  • Quando esta fruta é cozida também perde grande parte da vitamina C.

8 de julho de 2011

Tratamentos caseiros contra a caspa

sexta-feira, julho 08, 2011



O que é a caspa?
São pequenas escamas que se desprendem do couro cabeludo, de cor esbranquiçada, normalmente secas. Às vezes são gordurosas, sendo então chamada de Seborreia.Pode ter diversas causas, mas destacam-se os problema digestivos, hepáticos, prisão de ventre e a presença de impurezas no sangue.

Para a combater, além de tratamentos específicos, evita os lacticinios e os alimentos gordos em geral; substitui-os por frutas frescas da época, verduras e legumes crus, cereais integrais e água pura e fresca em abundância.
Tratamentos caseiros:
  • Couve - Sumo das folhas. Fazer fricções no couro cabeludo, 2 vezes ao dia, 2 vezes por semana.
  • Tomate - Fazer fricções com tomate maduro cortado no couro cabeludo 3 vezes por semana, antes da lavagem.
  • Abacate - Assar a polpa da fruta, espremer através de um pano fino e limpo. Com o óleo, fazer fricções no couro cabeludo 2 vezes ao dia, 1 vez por semana.
  • Figo - Amassar 3 figos secos e acrescentar o sumo de 2 limões, 1 cebola média ralada e um pouco de sal. Bater no liquidificador. Coar e fazer fricções no couro cabeludo 2 vezes ao dia, 1 vez por semana.
Dicas importantes:
Não exponhas o couro cabeludo nos primeiros minutos ao sol. Pode provocar manchas na pele.

Sabes de mais algum tratamento caseiro para a caspa?

Má postura causa celulite

sexta-feira, julho 08, 2011
É verdade! Além de dor nas costas, a má postura causa a temida e famosa gordura localizada e também a horrível celulite.

Quando uma pessoa tem algum tipo de desvio na coluna, como o desalinhamento, o espaço entre as vértebras é comprimido, o que pode dificultar a circulação do sangue na região, conhecido como hiperlordose.

Como consequência, a circulação sanguínea na região abdominal e no quadril fica comprometida, causando a retenção de líquidos, a localização de gordura na região e o aparecimento de celulite, além do enfraquecimento da musculatura abdominal, projectando assim a barriga para a frente. Normalmente, quem possui hiperlordose tende a ter hipercifose, e como consequência, ocorre uma acumulação de gordura na parte superior das costas, abaixo do pescoço, deixando a pessoa corcunda.

Por isso se queres eliminar os pneusinhos e a celulite deverás ter atenção à tua postura.

Perder Gordura Abdominal

sexta-feira, julho 08, 2011
Como estamos no verão queremos ter uma barriga fantástica, por isso iremos falar sobre este tema.


Como perder gordura abdominal?
A acumulação da gordura abdominal está relacionada, sobretudo, com maus hábitos alimentares e com a falta de exercício físico ao longo dos anos. A boa notícia é que com algum regime alimentar e com a prática regular de exercícios é possível reverter esta situação e, assim, perder a gordura abdominal.
Por vezes só fazemos exercícios na zona abdominal com a esperança de perder a gordurinha nessa zona, mas estamos completamente errados. Deveremos fazer exercícios para todo o corpo, pois o corpo emagrece como um todo. É o corpo que decide onde coloca a gordura acumulada.

Porque é que o corpo armazena a gordura na barriga?
Isso deve-se ao facto de a parte central do corpo ser o melhor lugar para armazenar a energia extra, pois assim será necessária menos energia para transportá-la para as zonas periféricas. O armazenamento da gordura no corpo é uma estratégia de sobrevivência, tendo em vista a maximização da eficiência energética no armazenamento e no uso da gordura corporal.

Será que a lipoaspiração resolve o problema da gordura abdominal?
Se uma pessoa segue um estilo de vida pouco saudável, isso acabará por resultar na acumulação de gordura corporal excessiva, nomeadamente na região abdominal. Ora, se a pessoa se submete a uma lipoaspiração para remover as células de gordura abdominais, o organismo vai passar a armazenar a gordura noutros locais, onde existem outras células de gordura. O corpo humano tem que trabalhar com as células de gordura existentes, se umas são removidas, passa a armazenar a gordura noutras.

Como perder o excesso de gordura abdominal?
Para perder o excesso de gordura abdominal, a alimentação equilibrada e o exercício físico têm que andar de mãos dadas. Um não funciona sem o outro.

Como ocorre a perda de gordura?
  • Homens: o corpo começa por perder a gordura na zona do rosto e extremidades, como braços e pernas, só depois passará para a gordura de tronco, peito, coxas e nádegas. Por fim perderá a gordura abdominal.
  • Mulheres: os últimos lugares a perderem a gordura são os quadris e as nádegas.
É importante que quem pensa perder gordura abdominal, se acostume à ideia de que a gordura abdominal será a última gordura a deixar o corpo.

7 de julho de 2011

Celulite

quinta-feira, julho 07, 2011
A celulite atinge até 95% das mulheres, sendo uma das queixas mais frequentes em relação à estética. O aspecto de "casca de laranja" causa incomodo e insatisfação com o próprio corpo.
As causas que dão origem à celulite não são totalmente conhecidas. Além de uma predisposição hereditária, alterações enzimáticas e hormonais parecem estar envolvidas, diminuindo a quebra das células gordurosas ou aumentando o seu volume.
As regiões mais atingidas pela celulite são aquelas onde as mulheres costumam acumular mais gordura: abdómen, quadris, culotes, nádegas, coxas e pernas.

Como se forma a celulite?
No nosso organismo, algumas células têm a função de acumular energia, sob a forma de gordura, para ser usada quando necessário. São os adipócitos (celulas gordurosas). Estas células se localizam na hipoderme, a camada mais profunda da pele. Nas mulheres, esta camada apresenta fibras ligando a superfície ao tecido mais profundo, como se fosse um colchão de molas. Estas pontes fibrosas repuxam a pele para baixo, dando o aspecto de "furinhos", que é característico da celulite.

Classificação da Celulite
  • Grau 1: os furinhos só são percebidos quando a pele é comprimida. Pode aparecer até mesmo nas crianças, sendo mais comum nas adolescentes.
  • Grau 2: os furinhos já são percebidos sem comprimir a pele. Passando a mão sobre a pele, já se percebe uma ondulação, sendo possível sentir alguns nódulos.
  • Grau 3: os nódulos são bastante perceptíveis e têm consistência endurecida, demonstrando que já houve formação de fibrose. Pode haver dor local.
Como eliminar a Celulite?
Dieta equilibrada e exercício fisico - Evita o consumo de álcool, café e tabaco, pois estes afectam negativamente o sistema circulatório. Inclui na tua alimentação produtos frescos e naturais, água mineral, cereais integrais, frutas, verduras, peixe e carnes brancas. É aconselhável realizar exercícios regulares para incentivar a eliminação das reservas de gordura acumulada nas zonas mais afectadas. Os melhores exercícios para combater a celulite é a natação e andar de bicicleta.
Anticeluliticos - Escolhe um bom celulitico e deverás aplicá-lo 2 vezes por dia, de manhã e à noite. A pele deverá estar cuidadosamente limpa, por isso o ideal é aplicar o creme logo a seguir ao banho. No entanto não se deve aplicar directamente, a área afectada deve ser "activada" com pequenos beliscões, assim activando a circulação sanguínea para que o produto atinja maior penetração.
Aplicação com massagem - A massagem é fundamental na aplicação do anticelulitico, pois ajuda na drenagem dos tecidos e activa a circulação dos ácidos gordos, provocando assim a sua eliminação.
  • Cintura e zona abdominal - aplicar o creme desde a parte inferior, ascendendo até à zona do busto. Os movimentos devem ser circulares e ascendentes.
  • Pernas - Aplica o creme do tornozelo para a coxa. Os movimentos devem ser circulares e ascendentes.
  • Braços - aplica o produto desde o punho ao cotovelo. Em seguida, a partir do cotovelo até ao ombro, tal como indicado nos casos anteriores. Insiste no interior do braço.
  • Nádegas - Aplica o creme desde a parte inferior, utilizando movimentos circulares e não esquecendo os lados das nádegas.

Mito - Os tremoços engordam?

quinta-feira, julho 07, 2011

A resposta é: NÃO

Os tremoços são leguminosas da mesma família das favas e das ervilhas. São muito ricos em nutrientes e têm baixo valor em calorias. São também ricos em fibras e em proteínas de origem vegetal.
Se forem consumidos moderadamente, os tremoços não engordam.

A única desvantagem de comer tremoços é o sal e os aditivos que são adicionados. Por esta razão, é sempre conveniente deixar os tremoços bastante tempo de molho antes de serem consumidos, de modo a evitar algum desconforto digestivo.

Substituir alguns petiscos como o presunto, pão com queijo ou bolachas, por exemplo, por tremoços é uma boa opção.

Dicas para acabar com a caspa - Parte II

quinta-feira, julho 07, 2011
Tem atenção aos produtos que te causam irritação
Se os champôs de alcatrão – ou quaisquer outros preparados contra a caspa – forem demasiado irritantes (para o teu couro cabeludo) para usar diariamente, usa-os alternadamente com um champô normal.

Aplica duas vezes
Aplica sempre duas camadas de champô anti-caspa. Põe a primeira camada assim que entrares para o duche, para ter tempo suficiente para actuar. Deixa-a ficar até estar quase no fim do duche. Nessa altura tira bem o champô, com muita água. De seguida aplica a segunda camada de champô e enxagua. Na segunda lavagem deixa um pouco de produto no teu couro cabeludo de modo a que vá actuando até à próxima dose de champô.

Usa uma touca
Alguns médicos aconselham o seguinte para aumentar a eficácia dos champôs receitados: Depois de ter posto a camada, põe uma touca por cima do cabelo molhado. Deixa-a estar durante uma hora e em seguida lave normalmente.

Massaja bem o couro cabeludo
Quando aplicares o champô massaja suavemente o couro cabeludo com a ponta dos dedos, para ajudar a soltar as películas. Mas não o arranhes, isso pode provocar feridas mais graves que a caspa.

Usa amaciador
Embora os champôs anti-caspa sejam eficazes no teu couro cabeludo, podem ser muito agressivos para o resto do cabelo. Por isso, aplica um amaciador depois do champô para neutralizar os seus efeitos.

O sol ajuda sim!
Uma pequena exposição ao sol é bom para a caspa porque a luz ultravioleta directa tem um efeito anti-inflamatório em peles escamosas. E isto talvez explique o facto de os problemas de caspa melhorarem durante o verão. Mas não abuses, sempre que te expores ao sol deverás por um bom protector solar. Para o couro cabeludo são uma mais valia, mas em demasia na nossa pele não são.

Consulta um dermatologista
É fundamental consultares um dermatologista, todos os organismos são diferentes e eles irão-te indicar quais os melhores tratamentos para a tua situação.

Já alguma vez sofreste de caspa? Como a trataste?

Dicas para acabar com a caspa

quinta-feira, julho 07, 2011

O que é a Caspa?
A caspa é um problema comum que acontece no couro cabeludo. Normalmente, a pele da cabeça se renova de tempos em tempos (mais precisamente de quatro em quatro semanas), descamando a velha cobertura existente no couro. A caspa ocorre devido a uma aceleração desse processo, onde ocorre um crescimento exagerado das células. Essas células, por sua vez, tendem a se agrupar e a absorver os óleos produzidos pelos folículos capilares, fazendo com que os “flocos” se tornem cada vez maiores.
O que causa a Caspa?
  • Couro cabeludo oleoso
  • Stress
  • Clima frio (Só em alguns casos)
  • Álcool e consumo de gorduras
  • Excesso de tratamentos químicos para o cabelo
  • Distúrbios Hormonais
Os dermatologistas concordam que praticamente todas as pessoas têm este problema num determinado grau. Por isso, se estás desejoso/a por acabar com o problema de caspa e de comichão na cabeça, siga estas dicas.

Não ignores a caspa
Ignorar o problema só faz com que a caspa se acumule no couro cabeludo. E isso causa comichão que te leva a coçar. Coçar com muita força pode provocar ferimentos na cabeça e acabar numa infecção.

Começa gradualmente
Muitas vezes, um champô suave sem receita é suficiente para controlar o problema. A caspa é frequentemente provocada por um couro cabeludo demasiado oleoso. Lavar diariamente com um pouco de champô suave diluído em água destilada em partes iguais ajuda a controlar o óleo sem irritar a cabeça.

Sê mais agressivo/a posteriormente
Se os champôs normais não ajudarem, muda para um anti-caspa. Os champôs anti-caspa são classificados pelos seus princípios activos, que funcionam de maneiras diferentes. Os que contêm sulfureto de selénio ou piritionato de zinco actuam mais eficazmente, atrasando a velocidade com que se multiplicam as células do couro cabeludo. Os que contêm ácido salicílico e enxofre libertam as escamas, que podem ser lavadas facilmente. Os que têm agentes anti-bacterianos actuam sobre as bactérias do couro cabeludo e reduzem as hipóteses de infecção. Aqueles que contêm alcatrão atrasam o crescimento das células.

Pele Seca

quinta-feira, julho 07, 2011
Se tens uma pele muito seca, deves hidratar a pele de todo o corpo diariamente e repetir esse gesto, caso seja necessário, várias vezes ao dia, com hidratantes que estabeleçam uma barreira entre a pele e a humidade.
Além dos cremes, loções e produtos hidratantes que encontras à venda em farmácias, perfumarias e supermercados, podes também experimentar fazer um tratamento com óleos corporais. São uma boa solução quando a pele está a precisar de cuidados extra.
Este tipo de produtos devem ser usados depois do banho e não necessitam de ser enxaguados, secam naturalmente e, apesar de não entrarem nas camadas inferiores da pele, melhoram o aspecto da epiderme e eliminam as escamas provocadas pela secura extrema. Podes também usá-los nas mãos antes de se deitar. Massaja-as com óleo de amêndoas, calça luvas de algodão e deixa repousar durante 15 minutos.
Antes de hidratar o rosto, é obrigatório eliminar todas as impurezas com água fria ou morna. Quanto mais quente for a água, mais seca ficará a pele.
Escolhe um leite ou um gel de limpeza não detersivos, que arrastem a sujidade sem agredir a pele e que não alterem o equilíbrio fisiológico cutâneo. Os que contêm aveia coloidal são um bom exemplo disso.
De seguida, aplica o creme hidratante, massajando o rosto suavemente. Escolhe produtos adequados ao teu tipo de pele e que sejam ricos em ceramidas, ácido glicólico, vitamina E e lactato de amónio. Este último promove uma reorganização da camada córnea, devolvendo à pele a capacidade de reter água.

Os lábios são uma das zonas do rosto particularmente sensíveis às baixas temperaturas. Para evitar que fiquem secos e gretados, nunca saias de casa sem os proteger e leva sempre contigo um bâton ou um creme labial nutritivo e hidratante, que deve também conter índice de protecção.
Não cometas o erro de os molhar constantemente com saliva, pois esse gesto contribui apenas para que fiquem mais desidratados.

As mudanças bruscas de temperatura e a constante fricção das peças de roupa agravam ainda mais a situação, a pele torna-se seca e podem surgir descamações.

Dicas muito importantes
Não tomes banho com água muito quente e opta por um creme lavante em vez dos sabonetes. No final do duche, usa um creme hidratante e nutritivo, com ureia e lactato de amónio, espalha-o massajando-o por todo o corpo, dando especial atenção às áreas mais secas (cotovelos e joelhos).

Popular

Follow by Email